COMERCIALIZAÇÃO

VOCÊ ESTÁ PRÓXIMO DE ASSISTIR AO PAINEL DE COMERCIALIZAÇÃO

Em um modelo inovador no mundo do café, no evento COLETIVO DE PORTAS ABERTAS IV, montamos uma arena para falar de CAFÉ e documentamos tudo. Agora está online aqui no canal do COLETIVO CAFÉ para você assistir com a sua família em casa.  

 

No dia 01/02/2020, na arena, falamos de 4 temas em painéis de 1:30h de duração.

Selecionamos 3 convidados especiais para cada painel e uma mediadora que conduziu com dinâmica e foco as perguntas direcionadas para cada um deles.

Veja abaixo quem participou do painel e algumas perguntas que foram direcionadas para cada um deles.

Mr. Tarcísio is a producer and the patriarch of the Santa Rita family, a site with management and control in all processes, he is responsible for the production part. He has a lot of knowledge of farming.

Juliano Tarabal

  • Como podemos encorajar a produção de cafés especiais?

  • Conforme ouvimos muito na SIC, o café está passando pelo processo de vinificação. Conte um pouco mais sobre isso pra gente.

  • O que e denominação de origem, quem regula e qual a importância dessa ferramenta para o agronegócio café?

  • Na sua opinião, sobre as IG’s dos cafés, é imprescindível que a nota seja no mínimo 80 pontos da SCA?

  • Como precificar o cafe?

Agronomist with a master's degree in Agricultural Microbiology and a PhD in Agronomy. He has experience in the field of Agronomy, with an emphasis on Soil Fertility and Fertilization, Microbiology and Biochemistry of Soil, Heavy Metals of Soil, Organic Matter of Soil, Recovery of Degraded Areas, Watershed Management and Environmental Education. He is also Q Grader certified by the Coffee Quality Institute in 2016. He is currently Coordinator of the Coffee Classification and Tasting Laboratory at IFES - Campus Alegre, working on a project to implement the Geographical Indication of Special Cafes in Caparaó and a teacher of basic education.

Clayton Barrossa

  • Você vende café verde e torrado para mercado interno e externo. O que tem sido melhor: exportar ou venda interna? vender café verde ou torrado?

  • Quais os desafios encontrados para a comercialização de cafés torrado e verde?

  • Como precificar o cafe? você precifica o café verde e torrado da mesma forma? 

  • Para onde vai seu café?

Agronomist with a master's degree in Agricultural Microbiology and a PhD in Agronomy. He has experience in the field of Agronomy, with an emphasis on Soil Fertility and Fertilization, Microbiology and Biochemistry of Soil, Heavy Metals of Soil, Organic Matter of Soil, Recovery of Degraded Areas, Watershed Management and Environmental Education. He is also Q Grader certified by the Coffee Quality Institute in 2016. He is currently Coordinator of the Coffee Classification and Tasting Laboratory at IFES - Campus Alegre, working on a project to implement the Geographical Indication of Special Cafes in Caparaó and a teacher of basic education.

Pedro Malta

  • Quais os valores médios de comercialização? 

  • O que podemos fazer para uma comercialização justa que seja capaz de cobrir os custos do produtor, ser sustentável para o campo, e colocar bons cafés na mesa dos brasileiros?

  • De que forma a sua empresa daqui por diante, pretende trabalhar com os cafés especiais arábica e conilon?

  • Quais os projetos da Nestlé em relação aos produtores?

CHEGOU A HORA DE ASSISTIR O CONTEÚDO NA ÍNTEGRA.

JÁ PREPAROU O CAFÉ E A PIPOCA?

AGORA É SÓ CLICAR NO VÍDEO